ANÁLISE Numérica de Ligações Tipo Kt de Treliças de Aço Tubulares Com Banzos de Seção Quadrada e Circular

Nome: Rosiane Camargos dos Santos
Tipo: Dissertação de mestrado acadêmico
Data de publicação: 05/04/2019
Orientador:

Nomeordem decrescente Papel
Adenilcia Fernanda Grobério Calenzani Orientador

Banca:

Nomeordem decrescente Papel
Adenilcia Fernanda Grobério Calenzani Orientador
Luciano Rodrigues Ornelas de Lima Examinador Externo
Macksuel Soares de Azevedo Examinador Interno

Resumo: A utilização de estruturas tubulares treliçadas como solução estrutural nos projetos brasileiros cresce progressivamente, tornando-se necessários estudos sobre o comportamento dessas estruturas, com particular interesse ao comportamento das ligações, as quais são geralmente submetidas a solicitações mais complexas, tornando-se os locais mais críticos da estrutura tubular e governando o seu dimensionamento. Diversos trabalhos vêm sendo conduzidos a fim de avaliar a resistência ao estado limite último e a influência dos fatores geométricos na resistência de ligações em estruturas tubulares. Entretanto, a dispersão dos resultados experimentais e numéricos em relação às prescrições normativas ainda é grande, sendo fundamental a condução de trabalhos que avaliem minuciosamente o comportamento destas ligações a fim de tornar o seu dimensionamento mais seguro e econômico. O presente trabalho analisou o comportamento estrutural de ligações soldadas tipo KT de treliças de aço constituídas por banzos em perfis tubulares de seção circular e quadrada e montantes e diagonais em perfis tubulares de seção circular. Para representar as ligações tipo KT, foram propostos modelos numéricos que consideram a não linearidade de material e o cordão de solda, e a implementação computacional feita por meio do software comercial ANSYS Mechanical v.17. Os modelos foram aferidos a partir de resultados experimentais disponíveis na literatura. Um estudo paramétrico foi realizado para análise da influência de parâmetros geométricos na resistência e rigidez da ligação e os resultados numéricos foram confrontados com as principais prescrições normativas sobre o assunto. Conclusões acerca do comportamento teórico e numérico, da variação da rigidez inicial e da evolução das tensões no banzo foram obtidas, assim como da influência de parâmetros geométricos na resistência última da ligação.
Palavras-chave: Treliças de aço, Ligações soldadas tipo KT, Banzos de seção quadrada e circular, Análise Numérica.

Acesso ao documento

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Av. Fernando Ferrari, 514 - Goiabeiras, Vitória - ES | CEP 29075-910